A maioria das pessoas vive física, intelectual ou moralmente, num círculo muito restrito do seu ser potencial. Elas fazem uso de uma parte muito pequena de sua consciência possível.


( William James)


segunda-feira, 15 de abril de 2013

Você não é o seu EGO





Do vácuo quântico toda matéria surgiu. Quando a matéria se separou deste TODO QUE É, algumas partículas surgiram antes que outras se achando assim, muito importante e esquecendo sua origem primordial. 

Assim nasceu o Ego, aquele que é necessário para qualquer ser se materializar no mundo físico, mas a realidade ultima é a essência primordial uma única onda no vasto oceano infinito cósmico de onde tudo nasceu.

E por que o ego se acha tão separado deste todo de onde surgiu? o ego nada mais é do que VONTADE DE AGIR, de  expandir.

A Consciência Cósmica também chamada de Deus ou Amor, separou-se/converteu-se em infinitas partículas para se materializar em tudo o que temos como realidade física. 

Esta consciência quer ganhar em informação sobre si mesma cada vez mais, manifestadas em variadas formas.

Não existe eu ou você na verdade, existe uma única Consciência que age através de nossos corpos físicos. Esta consciência é pura felicidade por experimentar a si mesma através de variadas formas materiais, este sentimento do Todo unido em si mesmo através da dualidade física, também foi conhecido como Nirvana, Samadhi e todo tipo de êxtase e prazer que o ego/personalidade possa experimentar, mas que não tem consciência que este é o único sentimento/pensamento de Deus, ou a FONTE QUE TUDO É, o que faz a personalidade buscar infinitamente e inconscientemente formas de sentir prazer através dos 5 sentidos.

Devido algumas partículas terem emergido deste vácuo quântico antes que outras, estas ganharam informação = conhecimento = consciência antes, por vivenciarem aprendizados em muitos planetas, o que resultou em um EGO gigante a ponto de se acharem DONOS de todo universo e por isso seguem escravizando seres que não tem tanto conhecimento como eles.

 Raças extraterrenas negativas que dominam vários planetas e várias raças, pois eles nem se lembram mais de sua realidade verdadeira, que é o puro amor de onde nasceu...então, estes seguem atrás de obterem poder, colonizando planetas universo a fora.

Como o todo age sempre em seu infinito amor e harmonia, de tempos em tempos aparecem seres extraterrenos positivos de planetas mais evoluídos, nestes planetas que ainda sofrem com a colonização extraterrena negativa, como é o caso do nosso, a fim de nos mostrar uma saída, nos mostrar o caminho da libertação desta escravidão física/mental.



Como toda liberdade sempre começará dentro de cada um de nós e não o contrário, podemos observar em nosso dia a dia, como este ego que se acha separado deste TODO QUE TUDO É, age em nossas vidas nos prendendo cada vez mais nesta dimensão astral densa.

Toda vez que você sofrer em qualquer área da sua vida, é o ego que está criando isso. Em essência só há perfeição, bem aventurança e amor. Este ego depende da programação primitiva acoplada em nosso cérebro reptiliano. 

Para entender como temos dentro de nós um pedaço réptil, é necessário estudar sobre como nossa evolução teve um grande salto rapidamente em sua genética, com a manipulação extraterrestre em nosso DNA, resultando no HOMO SAPIENS.



Para sair desse piloto automático que é o ego, devemos rever nossas crenças no sofrimento em determinadas formas de manifestação. Seja através de crenças religiosas que nos foi imposta desde a infância, seja através do que a mídia nos dita como deveríamos ser e etc., esvaziar-se de toda crença no negativo, no mal, na destruição para a partir daí, voltarmos a simplesmente SER essência de puro amor, a este verdadeiro vácuo de onde surgiram os elementos químicos, os átomos, as moléculas, as células, os órgãos, os seres individuais.




Toda vez que nos depararmos com semelhantes que insistem em viver no ego, delimitando fronteiras pessoais atacando quem pensa diferente, julgando sem saber o que se passa por trás das atitudes das pessoas, julgando segundo a crença que tem desde a infância se achando superior aos demais, achando-se o mais evoluído espiritualmente, achando-se o mestre dos mestres, este é o momento para refletirmos e ter compaixão por este ego que insiste em manifestar sofrimento no mundo físico, sem se importar em como suas atitudes afetará o TODO, pois tudo é esta Consciência em Expansão. 

É tudo uma única coisa...o que você faz a outra pessoa, estará fazendo em essência, para você mesmo.

Recomendo a leitura do livro UNIVERSO AUTOCONSCIENTE  do Dr. Amit Goswami.

O ego não é só intelecto, tudo tem o intelecto e o campo eletromagnético. É a escolha que o intelecto faz que cria a separação. Quando ele se separa da sua contraparte, o amor.




O amor aqui explanado não tem nada a ver com o amor romântico ilusório que vemos nos filmes por aí, o sentido do amor é o incondicional, da harmonia e equilíbrio.


O amor pelo amor, pela expansão, sem regras, sem limites, sem podar o crescimento do outro, a liberdade de ser, do SER.
Muitos buscam a consciência através de variados caminhos, e esta eterna busca de se achar incapaz de união com a essência aqui e agora, é o que fortalece o ego e mascara atitudes vis entre as pessoas, por afirmarem que são humanos na condição de aprendizes errantes miseráveis  e por isso justificam suas atitudes de falsidade, desrespeito e toda falsa moralidade  enaltecendo somente seu grupinho de crença, fronteiras entre países, preferência de raça excluindo do seu cotidiano os demais humanos da sua realidade como se existisse separação alguma no universo.

O tempo está se esgotando aqui no planeta para estas pessoas, que durante muito tempo ainda insistem em continuar agindo conforme sua programação do cérebro reptiliano.

Uma observação pertinente pode ser feita diariamente no que se refere ao ego. Quando temos que aprender algo, lembrar de alguma coisa esquecida, tudo o que é funcional em nossa vida cotidiana, isso é função do ego. Precisamos dele somente para trabalhar nosso conhecimento e experiência física nesta dimensão. Mas fora isso, é necessário voltar a consciência para Deus, voltar ao lar do coração e sair da mente. 

Deixar o intelecto lá paradinho só pra quando precisarmos dele, para quando precisarmos nos expressar de alguma forma. A verdadeira realidade é SER este amor o tempo todo, acolhendo e entendendo o momento de cada ser humano que por falta de conhecimento da realidade ultima, insiste em agir na crença do sofrimento e separatividade dos demais.




Sentir como o TODO sente, pensar como este Todo que tudo é pensa, aumentará nossa vibração em amor, impedindo qualquer ataque de egos negativos que são assim por escolha própria conforme sua programação cerebral reptiliana.
Importante destacar que o cérebro reptiliano sobrevive do controle. Ele precisa experienciar o controle absoluto de tudo, ter poder, pois vive disso. Precisa subjugar o sagrado feminino que na crença dele, os homens são superiores às mulheres e por isso podem explorá-las e usá-las para seu interesse pessoal. Precisa ser guia ou mestre, pois sente a necessidade de ter seguidores. Não gosta de compartilhar conhecimento com todos sem exceção, pois não se sente unido a todos os outros humanos como sendo seus irmãos planetários na mesma fonte, precisa dominar nações, ter poder político enfim., toda forma de controlar e manipular pessoas.

Quando o ego está dissociado do Amor, a sua contraparte, ele está em desequilíbrio. E todos os problemas aparecem da falta de amor, deste desequilíbrio.
Estamos cada dia mais sendo canais, instrumentos deste amor cósmico infinito aqui no planeta, abra a sua mente, se esvazie de deveres cobrados pela sociedade ilusória, permaneça no sentir este amor, sentir esta luz que banha a Terra neste momento facilitando a libertação espiritual daqueles que assim querem. Somos Um! Momento mágico de se estar encarnado/manifestado aqui e agora!

Eu sou um outro Você! 
In Lak'Ech!

Um comentário:

  1. ..."Como toda liberdade sempre começará dentro de cada um de nós e não o contrário..."
    Esta frase define bem as coisas!
    Parabéns por esta postagem colega!

    ResponderExcluir